Análise da Obra “Casti connubii”, de Giovanni Gasparro

Ao realismo da obra, nos traços da criança com seus olhos melancólicos e as bochechas rosadas, segue algo de quase surreal com as múltiplas mãos que tocam e cercam a criança. É impossível não captar a ironia do título desta obra, com a qual o artista venceu o “Bioethics Art Competition” da Unesco, em 2013. O título da obra, em latim, faz referência ao “casto ato conjugal” e é o título de um documento pontifício de 1930, portanto do Papa Pio XI. A obra toca um tema tabu: o vínculo entre a sexualidade e fecundidade humana.

Obra: http://www.giovannigasparro.com/sp.php?p=280

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-spam device *