A guerra inexistente

Não existe guerra cultural entre esquerda e direita, pelo simples fato de esquerda e direita serem ideologias, não culturas. Tomar partido de uma ou de outra corrente não é defender nenhum legado cultural, mas apenas aderir às paixões coletivas que falava Simone Weil; paixões que levam as pessoas a penhorarem



Este conteúdo é restrito a usuários cadastrados. Se você já tem cadastro, por favor, faça o login para liberar o acesso.

Novos usuários podem fazer o cadastro GRATUITO no final da página.

Login de Usuários

Anti-spam device *


   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório