Saudosismo de um passado não vivido

Jornalistas adoram flertar com a ideia de uma possível ditadura, com o perigo remoto – e bota remoto nisso – de um novo AI-5, com a rebeldia de um “abaixo à ditadura” pichado no muro, jornais com receitas de bolo, vitrola com músicas do finado Chico Buarque, cabelos longos e



Este conteúdo é restrito a usuários cadastrados. Se você já tem cadastro, por favor, faça o login para liberar o acesso.

Novos usuários podem fazer o cadastro GRATUITO no final da página.

Login de Usuários

Anti-spam device *


   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório